A- A A+

CSEM e MIGRANTES pesquisam sobre migrações na Itália

O dinamismo e a variedade que a mobilidade humana alcança nas diversas localidades ocasiona novos desafios . Em especial a Itália, uma das portas de entrada para a Europa , é um dos maiores receptores de migrantes do mundo, com 8,2% de imigrantes sobre o total da populaçao do paìs, acolheu 118.000 refugiados no ano de 2015, segundo dados do ACNUR.
A partir de tal ralidade, o CSEM, em parceria com MIGRANTES, instituição ligada à Conferência Episcopal Italiana, captaram a necessidade de fazer um estudo para investigar os desafios que a migração coloca à Igreja naquele contexto. Dessa forma, busca aprofundar a reflexão sobre o impacto da migração no contexto eclesial local e sobre os principais desafios e oportunidades para a pastoral.
A pesquisa intitulada "a mobilidade humana no contexto eclesial italiano: desafios e oportunidades" terá a duração de oito meses e será coordenada pela pesquisadora do CSEM Carmem Lussi.

NOTÍCIAS

U.S. bishop: Media can counter fears by showing refugees as real people

COMPARTILHE

By telling individual stories and putting a human face on migrants seeking a new home, the media can help inspire communities to assist and not be afraid of newcomers, said one U.S. bishop.

Leia mais...

La UE realiza su mayor redada contra el tráfico de personas

COMPARTILHE

Varios cuerpos policiales de la Unión Europea detuvieron el martes de forma simultánea a más de 100 personas en 10 países, en lo que describieron como la mayor operación contra una red de tráfico de personas en la historia de la UE.

Leia mais...
REDES SOCIAIS

Conheça nossos canais dentro das redes sociais, participe, interaja, queremos ouvir você.

facebook  twitter

Centro Scalabriniano de Estudos Migratórios - CSEM
SRTV/N Edificio Brasília Radio Center
Conj. P - Qd. 702 - Sobrelojas 01/02
CEP: 70719-900 - Brasília - DF / Brasil
Tel/Fax: +55 (61) 3327 0669
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

twitter   facebook